Central de Ideias Culto Jovem

Dia dos pais

Objetivos do Programa – Homenagear os pais.

Oração de um Pai
Dá-me a força espiritual para manter a unidade da família, através do diálogo com todos, humildade para escutar e firmeza para decidir sem vacilações.
Dá-me resistência para não me desesperar diante das dificuldades da vida, da morte súbita de entes queridos, do salário insuficiente, das carências familiares crescentes e dos sonhos desmoronados.
Dá-me a capacidade de conviver com a esposa e os filhos, estimulando neles as virtudes e procurando corrigir os defeitos, sem perder a noção do respeito à pessoa humana e o amor filial.
Dá-me lucidez para enfrentar os ventos malignos da perversão e da imoralidade, que destróem a família e inutilizam as pessoas.
Dá-me a benção da autocrítica honesta, onde os erros sejam reconhecidos e o bom exemplo estimulado no seio da família.
Dá-me o sentimento cristão da ajuda ao próximo, para que os outros percebam o valor da unidade e da solidariedade familiar.
Dá-me inteligência para recolher no passado os exemplos da experiência herdada, transmitindo-os sem auto-suficiência e incentivando nos filhos a indispensável criatividade.
Dá-me, por fim, no cotidiano da missão de ser pai a tranqüilidade interior de que percorrerei a estrada da vida sempre com a tua orientação e benção.

Poesia
OI PAI
(Valter da Silva Costa)
Desde muito pequeno aprendi a copiar seus gestos.
Seu jeito de andar, de sorrir, de falar, de dirigir…
Pequenos detalhes de seu comportamento.
Aprendi seus ditados, suas estórias, suas verdades.
Quem dera tivesse herdado suas virtudes…
Aprendi a desafiar suas leis, e vi teu rosto de satisfação com minhas vitórias.
Mas vi também a compreensão e os conselhos quando colecionei derrotas.
Aprendi a te amar e a te compreender
Aprendi como é duro tentar e ser alguém como você é.
Aprendi que tua presença é tudo que eu poderia querer.
E por graça do nosso Criador ela estará sempre em mim.
Obrigado Senhor, por ter me concedido meu pai !

Pensamento
“Existe algo ilimitado no amor de um pai,
algo que não pode falhar, algo no qual acreditar
mesmo que seja contra o mundo inteiro.
Nos dias da nossa infância, gostamos de pensar
que nosso pai tudo pode; mais tarde,
acreditaremos que seu amor pode compreender tudo.”
(Frederick Faber)

Poesia
Eu sou pequeno.
Estou na insegurança dos primeiros passos.
Não sei falar o que sinto,
mas sei do que necessito.
Não me negues a tua paternidade,
nem a tua compreensão.
Não basta que me apontes o caminho
Quero que caminhes comigo,
passo à passo, dando-me tuas mãos.
Não me negues a luz da tua experiência.
Estou começando a aprender.
Responde às minhas perguntas,
não com mentiras,
nem com meias verdades.
Fale-me palavras simples,
do jeito que eu possa entender.
Brinca comigo.
Sê meu herói,
meu grande amigo:
e me ensinas a bem viver
Oh! Pai, eu sou criança!
Cativa-me amando-me.
Desejo sentir-me “teu filho”
e ter o tamanho de tuas esperanças.
Obrigado
meu Deus
pelo meu
amado Pai…

O PAI E O FILHO NA MONTANHA

De repente, o menino cai, se machuca e grita: – Ai!!!
Para sua surpresa, escuta sua voz se repetindo em algum lugar da montanha: –
Ai!!!
Curioso o menino pergunta: – Quem é você?
E recebe como resposta: – Quem é você?
Contrariado grita: – Seu covarde!
E escuta como resposta: – Seu covarde!
O menino olha para o pai e pergunta, aflito: – O que é isso?
O pai sorri e fala: – Meu filho, preste atenção,
Então o pai grita em direção à montanha: – Eu admiro você!
A voz responde: – Eu admiro você!
De novo, o homem grita: – Você é um campeão!
A voz responde: – Você é um campeão!
O menino fica espantado. Não entende.
E o seu pai explica:

– As pessoas chamam isso de ECO, mas, na verdade, isso é a VIDA.

A VIDA lhe dá de volta tudo o que você DIZ, tudo o que você
DESEJA DE BEM E MAL AOS OUTROS. A VIDA lhe devolverá
toda BLASFÊMIA, INVEJA, INCOMPREENSÃO, FALTA DE
HONESTIDADE que você desejou, praguejou às pessoas que lhe
cercam.

NOSSA VIDA é simplesmente o REFLEXO das nossas ações.

Se você quer mais AMOR, COMPREENSÃO, SUCESSO,
HARMONIA, FIDELIDADE crie mais AMOR, COMPREENSÃO,
HARMONIA, no seu coração.

Se agir assim, A VIDA lhe dará FELICIDADE, SUCESSO, AMOR
das pessoas que lhe cercam.

Um pouco de história…

A idéia nasceu na antiga Babilônia, há uns 4 mil anos./ Um jovem chamado ELMESU moldou e esculpiu em argila o primeiro cartão./ Desejava sorte, saúde e longa vida a seu pai. Nos ESTADOS UNIDOS, SONORA LUISE resolveu criar o DIA DOS PAIS em 1909, motivada pela admiração que sentia por seu pai, JOHN BRUCE DODD./ O interesse pela data difundiu-se da cidade de SPOKANE para todo o Estado de WASHINGTON e daí tornou-se uma festa nacional./ Em 1972, o presidente americano RICHARD NIXON oficializou o DIA DOS PAIS./ Naquele país, ele é comemorado no terceiro domingo de junho./ Aqui no BRASIL, é comemorado no segundo domingo de agosto./ A criação da data é atribuída ao publicitário SÍLVIO BHERING, em meados
da década de 50.//

O MELHOR PRESENTE PARA OS PAIS

Coruja, herói, amigo, careta, sabe-tudo, superprotetor… Seu pai se encaixa numa dessas categorias? Talvez ele seja “pãe”, uma mistura de pai com mãe./ Ou tudo isso./ Não importa./ Você deve homenageá-lo./ Afinal, o Dia dos Pais é uma idéia que estreou no Brasil em 1953 e até hoje vem dando certo./ Você pode presenteá-lo de muitas maneiras: uma gravata, um abraço, um “eu te amo”./ Mas seria bom se a homenagem não ficasse só no segundo Domingo do mês de cachorro louco./ A gente dá dez sugestõezinhas no campo do relacionamento./ Converse. Nunca deixe o fone fora do gancho./ Pai também gosta de diálogo./ Mas não fale só de problemas; experimente um bate-papo descontraído./ Respeite. Não fique dizendo que ele é de outra geração. Isso chateia e não resolve nada. Não o julgue careta, até conhecer suas razões.
Jogue Limpo. Todo pai gosta de um filho sincero e leal. Por isso, trate-o com a maturidade e a abertura com que gostaria de ser tratado.
Aceite. Cada um tem o direito de pensar e agir de um jeito. Se você tivesse nascido na época dele, será que não veria as coisas do mesmo modo?
Dê uma chance. Ele erra? Ora, ninguém é perfeito. Nem o Superman. Tente entendê-lo e não repetir os mesmos erros.
Elogie. Descubra as qualidades dele, pense nas coisas boas que já lhe deu e libere ao menos um “obrigado”.
Seja legal. Lave o carro para ele, ou, se não tiver carro, dê-lhe um brilho nos sapatos. Leve seus irmãos para passear, deixando-o a sós com sua mãe.
Apóie. Você não tem se valido do apoio físico, material e emocional dele? É hora de pagar o investimento.
Ore. Peça que Deus dê a ele muita saúde, entusiasmo, grana e fé.
Ame. Pai, legal ou “ilegal”, é para se amar. (Mocidade, 8/92, p. 31)

PAPAI NÃO É MAIS AQUELE (Carta de uma adolescente a seu pai)

Paizinho, você não é mais aquele. E estou feliz da vida por causa disso. Outro dia, a vovó me disse que, graças a Deus, já não existem mais pais como os de antigamente. O pai dela, avô da mamãe e meu bisavô, era um sujeito muito durão, que não brincava nem conversava com os filhos pequenos. Só dava bronca. Mandava as crianças

saírem da sala quando chegavam visitas… Do tipo “machão”. Não ajudava a mulher em casa nem deixava que ela trabalhasse fora. Era o manda-chuva. Só deixava as filhas casarem depois dos vinte anos. E era ele quem escolhia os futuros genros! Parecia o dono da verdade. Ninguém podia ir contra
as idéias dele.
Que bom que as coisas mudaram e os pais de agora são diferentes! Mas o que me deixa mais contente, pai, é ver que você também mudou. Desde que se ligou em Deus e começou a ler a Bíblia e ir à igreja, está cada vez mais legal.
Você mudou bastante. Parou de fumar. Não bebe mais. De certo é por isso que anda mais bem disposto. Canta debaixo do chuveiro. Volta bem-humorado do trabalho…
Parece que, finalmente, descobriu seu segredo da felicidade, não é?
Nem parece o mesmo de uns anos atrás. Brigava tanto com a mamãe. E eu não gostava nada daquilo. Dava raiva, quando você saía bravo e a deixava chorando.
Várias vezes eu disse para ela que achava melhor vocês se separarem. Agora mudei de idéia.
As coisas andam tão diferentes aqui em casa que, às vezes, até penso que estou sonhando. Você conversa com mamãe sem discutir. Valoriza o que ela faz. Pede desculpas quando vê que estava errado. Não reclama se a mamãe ainda não aprontou o almoço quando você chega. Não fica dizendo para ela ser mais econômica. Vai ao supermercado. Faz a feira. Ajuda a mamãe nos fins-de-semana… Isso é que é marido! Quando eu casar, quero um desse jeito.
Falando sério, pai: fico tão feliz quando você leva a gente para passear. Adora ouvi-lo contando histórias da Bíblia! E quando você troca idéias comigo, mostra interesse pelos meus problemas, pergunta como vão as coisas na escola, ficou super contente.
Você tem sido mais tolerante comigo. Mais compreensivo. Amoroso. E isso está modificando minha maneira de pensar sobre Deus, o “Papai” do Céu.
Sabe, ainda não sei muita coisa sobre Jesus, mas acho que, se Ele tivesse casado, teria sido um pai assim. Igual a você, paizão. Feliz dias dos Pais!
Carolina “O melhor presente que todo Pai pode dar ao seu filho, por mais pobre que seja, é o exemplo” Coelho Neto.

PAI (definição)

Ser pai é ter coração generoso capaz de se imolar pelo dever, é se julgar feliz, ser orgulhoso… sentindo o próprio sangue reviver… Ser pai é achar o céu sempre formoso, refletidor nos olhos de outro ser… Não desejar na vida maior gozo, do que vê-lo cercado de prazer… Ser pai é querer bem a natureza que purificando o pensamento, nos faz rever um mundo de prazer. É colher maior grau de perfeição. É ter quer na alegria ou no tormento O cérebro ligado ao coração… Poema de Ricardo O. da Silva Azevedo

PAI (como o filho o julga)

Aos 7 anos : ” Papai é um sábio, entende de tudo”.
Aos 14 anos : ” Parece que papai se engana em certas coisas que me diz”.
Aos 20 anos : ” Papai está um pouco atrasado em suas teorias; não são desta
época”.
Aos 25 anos: “O velho não sabe nada, está caducando, decididamente”.
Aos 35 anos: “Com a minha experiência, meu pai nesta idade nesta idade seria um milionário”.
Aos 45 anos: “Não sei se consulto velho neste assunto, talvez pudesse me aconselhar.
Aos 50 anos: “Que pena ter morrido o velho, a verdade é que tinha umas idéias e experiências notáveis”.
Aos 60 anos: “Pobre papai…era um sábio…Como lastimo tê-lo compreendido são tarde.

“Existe um homem que se esmera no comprimento do dever para dar bom exemplo: Que fica humilde, quando poderia se exaltar;
Que chora à distancia, a fim de não ser observado;
Que, com o coração dilacerado, se embrutece para se impor como um juiz inflexível;
Que, na ausência, usam-no como temor para evitar uma ação menos correta;
Que quase sempre, é chamado de desatualizado; Que apenas fisicamente, passa o dia distante, na labuta, por um futuro melhor;
Que, ao fim da jornada, avidamente regressa ao lar para levar muito carinho e, as vezes, pouco receber,
Que está sempre pronto a ofertar uma palavra orientadora ou relatar uma atitude benfazeja que possa ser imitada;
Que, muitas vezes passa noites mal dormidas a decifrar os segredos da vida, quando extenuado, ainda consegue energias para distribuir energias;
Que é tão humano e sensível, por isso, normalmente, sente a ausência do afeto que lhe é dado raramente e de forma pouco comunicativa.
Que, vibra, se emociona e se orgulha pelos feitos daqueles que tanto ama. Esse homem geralmente, se agiganta e passa a Ser o valor inexorável quando deixa de existir para sempre.
Este homem de quem falo com tanto ternura não poderia deixar de ser você……Papai (Adaptado: Marco Antonio Struve)

O BEIJO DO PAPAI

É impressionante observar-se a humildade de uma criança. Ela desconhece o ódio, os conflitos, as barreiras e contradições. É apenas um ser indefeso e carente de afeto, proteção e amor. Todavia, ela também sabe dar amor e despertar confiança naqueles que a protegem.
Conta-se que, no tempo da guerra entre a Rússia e o Japão, certa tarde, após cessarem os bombardeios, junto à linha de fogo surgiu uma criança perscrutando, com o olhar curioso e indagador, como quem procura descobrir um semblante saudoso e querido naquele triste campo de batalhas. Ao ver a pequena, um bravo soldado japonês que podia dominar a língua eslavo-oriental, tomando em suas mãos calosas as acetinadas mãozinhas da criança, indagou com ternura:
O que deseja, minha pequena? Está procurando algo no meio da tropa? Quem é você?
De onde vem? Qual é o seu nome? Meu nome é Lina. Estou procurando o papai, que há muito tempo não vejo. Sinto tanta saudade e desejava vê-lo agora.
Que pena… O seu papai já não está mais aqui. Ele seguiu em frente. Posso lhe dar algum recado? Fale-me sobre como ele é e vou procurá-lo e dar suas notícias.
Está bem?
É fácil distinguí-lo… Meu pai é alto, forte, tem olhos azuis como os meus e um bonito rosto barbado. Os cabelos também são loiros. E a criança, esperançosa, tirou do bolsinho do avental uma foto do pai, dizendo sorridente:-Dou-lhe esta foto para que o reconheça. Ele se chama Ivan.
O soldado, comovido, colocou o retrato no bolso da sua túnica e indagou com enorme carinho:
Bem, agora qual é o recado que vai deixar comigo para o seu papai?
-Não é nenhum recado que eu quero que lhe dê… Então o que é? Pode falar que eu prometo fazer o que pede. Sim, eu quero que chegue juntinho dele e entregue esse meu beijo.
Assim dizendo, a pequena pulou ao colo do soldado e beijou-lhe o rosto umedecido pelas lágrimas e voltou correndo por onde havia chegado. Durante toda aquela noite foi intenso o bombardeio e num assalto a tropa japonesa conquistou o inimigo. Os feridos começaram a ser recolhidos indistintamente. Nisto, aquele soldado japonês viu passar, carregado, um soldado cujas feições se assemelhavam muito às da criança. Tirou a foto do bolso e conferiu. Não havia dúvidas. Era ele. O soldado o chama: Ivan? O que deseja? -respondeu o usso ferido. Trago comigo um carinhoso beijo que Lina, sua filhinha, lhe enviou. Dizendo isto, beijou a fronte do inimigo ferido e o abraçou ternamente. Não havia ali lugar para o dio, foi o que aprendeu com Lina. Pense nisso… Pai – prisma cristão Fizeram um pesquisa para descobrir qual o melhor adjetivo para qualificar a Deus. Muitas respostas apareceram indicando: Luz do mundo, Rocha Eterna, O caminho da vida, Justo, etc. Mas a que ganhou foi uma única palavra que transmitia mais proximamente o que é Deus. A palavra vencedora foi “Pai”. O nosso Salvador Jesus já nos ensinou na oração modêlo como tratar com nosso Deus:
Pai Nosso…
O que significa ser Pai? O que de tão especial envolve esta qualificação que
faz ser a mais próxima para descrever como é Deus? O livro “Santificação” apresenta um dado interessante sobre Enoque, aquele que “Deus tomou para si”. Enoque tinha uma íntima comunhão com o Criador. Mas quando teve um filho, seu amor a Deus e sua comunhão aumentaram. Porquê? Percebeu ele, quanto indefesa e dependente era a criança, e que tamanha responsabilidade e desprendimento tem que ter o Pai.
Pensou ele, se nós humanos já temos este sentimento de amor, responsabilidade, desprendimento e interesse por nossos filhos, que dirá Deus o Pai ! Isto é ser Pai !
Cícero escreveu: “O filho respeita o pai por obediência; o pai deve respeitar o filho por dever.” Lembremos que a primeira imagem que os filhos fazem de Deus, é como seus Pais são. Esta é nossa responsabilidade. O Pai autoritário, egoísta, insensível, irreligioso gerará filhos sem sentimentos, materialistas, sem princípios, e terá uma velhice fadada ao maior sofrimento. O pai ausente poderá resultar até em filhos sem personalidade masculina sólida.
Ao contrário, o Pai que for religioso, atencioso, que reparte amor com sua família, e dedicar educação com tempo, terá muitas alegrias no decorrer dos anos com os sucessos e Bênçãos com seus filhos. Se desejarmos ser um Pai bem sucedido, temos de procurar conhecer melhor como é Cristo, nosso Pai Celestial. Quanto mais semelhantes formos a Ele, mais êxito, sucesso e qualidade de vida teremos com nossos filhos. Pratique isto Papai e que Deus abençoe!
Pr. Irineo E. Koch

CONCURSO DIA DOS PAIS
Quem foi o pai dos que habitam em tendas e possuem gados?
Gn 4:20 E Ada deu à luz a Jabal; este foi o [pai] dos que habitam em tendas e possuem gado.
Quem foi o pai de todos os músicos? Gn 4:21 O nome do seu irmão era Jubal; este foi o [pai] de todos os que tocam harpa e flauta.
Quem foi chamado pai de muitas nações? Gn 17:5 não mais serás chamado Abrão, mas Abraão será o teu nome; pois por [pai] de muitas nações te hei posto;
Quem foi o pai que se deitou com suas próprias filhas? Gn 19:36 Assim as duas filhas de Ló conceberam de seu [pai].
Quem foi o pai de Manasses? Gn 41:51 E chamou José ao primogênito Manassés;
porque disse: Deus me fez esquecer de todo o meu trabalho, e de toda a casa de meu [pai].
Zebedeu era o pai de que discípulos de Jesus? Mt 4:21 E, passando mais adiante, viu outros dois irmãos-Tiago, filho de Zebedeu, e seu irmão João, no barco com seu [pai] Zebedeu, consertando as redes; e os chamou.
Quem foi o pai de Davi? Rt 4:17 E as vizinhas deram-lhe nome, dizendo: A Noêmi nasceu um filho, E chamaram ao menino Obede. Este é o pai de [Jessé], pai de Davi.
O que acontece com aquele que aflige a seu pai? Pv 19:26 O que aflige a seu [pai], e faz fugir a sua mãe, é filho que envergonha e desonra.
Quem foi aconselhado por Deus a voltar para a terra de seus pais?
Gn 31:3 Disse o Senhor, então, a Jacó: Volta para a terra de teus [pais] e para a tua parentela; e eu serei contigo.
Segundo o salmista o que os pais são para os filhos?
Pv.17:6 Coroa dos velhos são os filhos dos filhos; e a glória dos filhos são seus [pais]. Obs.: as respostas estão em vermelho Adson Pita (Aju/SE)

Outro concurso -> Qual é o nome do pai de…

Autor desconhecido
publicado originalmente: 31 jul, 2010 às 22:52

About the author

admin

Add Comment

Click here to post a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE